Postagens

Mostrando postagens de Março 29, 2015

O Imparcialista

Imparcial
Meu pensamento tem essa ilusão De passado, presente e futuro... A vida consciente não transcende esse segundo vivido.
Esse momento vivido, inconscientemente, No passado, no presente e no futuro Tem a ilusão de consciência...
O modernismo tem aquele desencanto, Aquela incredulidade, aquele pessimismo, Às vezes, moderado com o humor debochado e irônico. O modernismo foi à entrega aos sentidos; Nós, Os Imparcialistas, somos a grande luta.
No imparcialismo não há ceticismo; nossa postura na vida É de ajustamento, regeneração, conservação, estrutura, equilíbrio, Prumo, alma e espírito. Temos também aquele debochado, irônico e ambíguo; Com o propósito de não afrontar a ditadura da liberdade.
Sou, antes de ser imparcial com o mundo, Imparcial comigo mesmo. Meu vício me leva para um mundo particular, Onde vivo o meu egoísmo, Um mundo paralelo as obrigações cotidianas, Um mundo onde me dou o direito de ser negligente comigo e com os outros. Um mundo onde afogo meus fracassos.
Estou, conscientement…

Imparcialismo e conservadorismo

Imagem
Conservadorismo 
Na Direita, na Esquerda: Deformação, nivelamento e relativismo. ..
Ao conservador só resta o Imparcialismo.
Imparcialismo : estrutura, coerência, equilíbrio Ordem, sanidade, consciência, verdade...
Octávio Guerra J.Nunez

Sociedade da liberdades e do prazer

Avacalhação da Liberdade  
Um sujeito foi atropelado ali, Ali mesmo, perto daquele poste Onde agora um cachorro levanta a perda e mija. O sujeito virou um quadro cubista no asfalto.
A sociedade contemporânea Está ali pendura, desestruturada, deformada e distorcida Nesse quadro de Picasso.
O moderno foi à liberdade em si mesmo E a tentativa de se libertar dos parâmetros do passado.
O pós-moderno é as consequências  das liberdades  E dos desencantos dessas liberdades..., Que agora busca o sentido para a vida  No prazer e na avacalhação do conceito de liberdade.
A sociedade moderna está retratada ali,   Mesmo que não seja intencional, Desfigurada no quadro de Picasso, Ou naquele sujeito desfigurado no asfalto, Depois do atropelamento.
Salomão Alcantra J.Nunez  

Distorção da Realidade

Nesse tempo de distorções da realidade, Sou Bruce Lee na sala de espelhos; O espelho distorce a verdade O espelho é a ilusão, É preciso destruir a ilusão para ver o inimigo... A imagem distorcida e Cubista de um quadro de Picasso, Tomada como realidade, faz a leitura desse tempo.

01-04-2015

J.Nunez

Características da sociedade contemporânea na poesia imparcialista: Era da informação, do imediatismo, e da globalização.

Era da Informação
Era da Informação e do imediatismo. A mulher grávida trabalhou até ontem. Hoje de manhã, A bolsa estourou na porta de casa.
O marido correu no Google, Pesquisou: “Como fazer um parto normal”. Achou a informação com vídeo e tudo...
Depois preparou um fast foot. O pesquisador de mercado Diz que a bolha imobiliária Também pode estourar a qualquer momento.
Salomão Alcantra
J.Nunez

Sociedade bulimia social

Bulimia Social
É páscoa, o capitalismo distorce a realidade, Dessa e de todas as datas, E vender chocolate e no lugar Da mística da ressurreição de Cristo. 
Na parede da sala o quadro de Picasso Distorce a realidade. Outro artista contemporâneo, Conservador de valores e parâmetros,   Retrata a realidade distorcida, conscientemente, Fazendo a leitura desse tempo Que distorce a realidade segundo os seus desejos E impõe essa realidade distorcida Como uma verdade livre de tudo Que vem na contramão da Sociedade do Prazer.
Deixo essa casa eclética. Entre amigos observo e escrevo sem citar nomes. Ela, antes linda, fora dos padrões de beleza atuais, Sofre de bulimia... E vê o que não é. Entre nós, nessa mesa de bar, O outro distorce a sua própria realidade e verdade, E deseja que sua imagem distorcida tome lugar De sua imagem real. Incapaz de esconde No fundo a sua realidade.
Nos hospícios e nos bares temos centenas de filósofos, Megalomaníaco e narcisistas distorcendo sua própria verdade. Lá na rua, os pro…

Poesia Imparcialista: leitura do contexto atual

Distorção da Realidade
Idealizei o seu amor como um paraíso   Ou um corpo sem organismo nos meus sonhos. Ela existe envelhecida e feia... Mentiria para mim mesmo Se afirmasse que o meu amor e o meu desejo Supera essa verdade que eu vejo... O psiquiatra disse que é por isso que me agarro à alma E as formulas secretas para a vida eterna.  
Sociedade distorção da realidade: Para ser basta querer e acreditar que é. Sou o que não sou de fato Apenas quando inconsciente dessa distorção da realidade. Prefiro sempre a imparcialidade comigo mesmo, Com a sociedade e com os outros.
O investigador está no apartamento ao lado. A prataria da casa perdeu o brilho, Na parede o Cubismo distorcendo a realidade, O Abstrato e o Subjetivo desconectado Com a realidade física e com o mundo onírico, Falam de um tempo que deforma a realidade e a estrutura, Em nome das liberdades.
A sua ilusão da ilusão na rede social Levou a vida para o ralo. O amor virtual é a distorção da realidade, Dentro da distorção da realidade das ideali…