Postagens

Mostrando postagens de Agosto 10, 2014

Poesia Imparcialista de Salomão Alcantra

Moche Époque
Belle Époque europeia, A custa de extermínios, Morte, ouro e escravidão nas colônias. Por aqui, nas Américas Sempre foi Moche Époque... Chegamos adiantados a esse tempo...
As cidades deslumbrantes Não terão recursos para continuar lindas e fascinantes; Terão a tristeza de uma donzela empobrecida... Mundo globalizado, inversão da ordem, Inversão de todas as coisas...
Morte ao livre arbítrio; Arbítrio pressupõe a tortura da escolha, Exclusão, pecado, dualidade, certa e errada... Não queremos esse preconceito, A moeda não tem mais dois lados, Agora é tudo a mesma coisa.
Salomão Alcantra J.Nunez


Blog de Poesias Imparcialista

Estou ORGANIZANDO  todas as poesias Imparcialistas escritas a partir de 2007 até 2014 e colocando a disposição dos leitores e de quem mais posso interessar. Serão algumas postagens por dia.
São milhares de textos.
aqui:   http://poesiasimparcialistas.blogspot.com.br/

José Nunes Pereira