Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

segunda-feira, 31 de março de 2014

A “Cultura Sexo” é o pão e o circo dos brasileiros




44 Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai.  João 8

A “Cultura Sexo” é o pão e o circo dos brasileiros

Se fizermos uma análise dos comentários nos textos publicados na internet sobre a Ditadura  Militar, podemos observar que existe  o medo da repressão da liberdade. Não vivenciada por muitos de nós que hoje têm menos de quarenta anos. Porém reconhecemos o estado de Barbárie da sociedade brasileira, porém reconhecemos, que hoje, a repressão da liberdade vem dos criminosos que estão no comando, porém reconhecemos que a corrupção está corroendo as estruturas do país, porém reconhecemos a  insegurança e o medo, porém reconhecemos que as mídias e as celebridades está educando  nossos filhos segundo os seus projetos, caprichos e gostos, porém reconhecemos que a sociedade brasileira se tornou uma baderna, um bordel...., porém reconhecemos que há uma outra forma de repressão e Ditadura: A Ditadura da Liberdade Sexual.

Reconhecemos que estamos caminhando para o fundamentalismo gay. Nessa nova forma de Ditadura só é permitido à opinião daqueles que colocam o direito sexual acima dos direitos de crença, estrutura familiar tradicional, cristianismo, práticas religiosas e fé...

Nessa nova forma de Ditadura a estrutura tradicional está subjugada as vontades sexuais de uma minoria.  A desestrutura e a deformação se tornou a estrutura; e a estrutura foi deformada para que fosse possível fazer ajustes destrutivos.
No entanto sabemos que a bunda, a “cultura sexo” sempre foi o pão e o circo dos brasileiros na Ditadura Militar e fora dela.
 A “cultura sexo” é uma arma do governo contra o povo.

A sociedade alienada pelos vícios é uma sociedade com a mais terrível das ilusões de liberdades.

O conceito de liberdade morre quando observamos que somos presos e escravos de nossos próprios vícios. Mas, como uma sociedade niveladora e relativista, uma sociedade que destruiu o conceito de pecado, o certo e errado, a espiritualidade, o divino, os limites, a superioridade e a inferioridade poderá compreender que somos escravos dos vícios e dos nossos demônios de nós mesmos.

A sociedade do prazer, a Ditadura das Liberdades Sexuais deseja o impossível: uma sociedade com uma só face; para isso é preciso destruir a dualidade que é a base, a estrutura e a consciência de existirmos.  

Albano Morais

J. Nunez 

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Fique por perto!

Volte logo, Não demore muito, Fique por perto! Eu te esperarei dentro e fora do tempo. Sua alma é nobre, Fique no sangue do meu sangu...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA