Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Poesia Imparcialista - Hermínio Vasconcelos

Ralex...

As portas dos bares
Bêbados lamentam os cornos e os fracassos;
Uns reconhecem, outros culpam o mundo...
Do outro lado da cidade,  ladrões, Hienas vorazes,
Fazem arrastão...

_ Deise, Deise! _ Você por aqui!_  Você é casada!
_Você é rica! Socialite ou poderia ser, se assim o quisesse.
Eu disse a ela antes de dizer olá.

Ela riu muito!  Respondeu:
_Aprendi muito com o Mauro!
Entre as coisas que aprendi
É que o dinheiro e a escalada social deixam
A gente frouxa na moral, na ética e na religião...
Interrompi: _ E frouxa nas pernas...
Ela riu e concluiu:
 _ Sim! Nas pernas, principalmente.  Depois de uma bebida então!

Happy Hour  ralex...
A cidade não permite mais andar a pé,
As ruas estão tomadas por ladrões,
Feito matilha de cães furiosos...
Garçom, chame um táxi!
Dê, vamos embora! Eu te deixo na porta de casa!

Na saída, bêbados filósofos discutem política internacional,  
Um deles diz que os Estados Unidos e a Rússia
Estão prontos para se enfrentarem
Numa guerra de quem manda mais na política globalizada.
Coisa de quem não tem uma mulher como a Deise.

Para essa noite basta o sorriso e a presença
Da minha querida Dê!  

Hermínio Vasconcelos
J.Nunez


Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Fique por perto!

Volte logo, Não demore muito, Fique por perto! Eu te esperarei dentro e fora do tempo. Sua alma é nobre, Fique no sangue do meu sangu...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA