Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

quinta-feira, 21 de março de 2013

Poema de amor clássico - Outono



Outono
Todos os dias sem você
É sempre outono na minha vida,
Dias curtos,  noites longas
E esse frio de solidão e silêncio...
Essa eterna estação em minha alma
É uma ponte entre o calor do desejo
E o frio da noite que tenho de aconchego...
 
A beleza dessa estação
Esta nas folhas secas pelo chão
E nessa melancolia que carrego no olhar
De amar,  e você não corresponder.
Amar sem ser amado e sofrer
É lindo e nobre aos olhos dos outros;
Nos meus olhos é um modo
 De me sentir vivo...
 
Está eterna estação em minha vida
Não matura o amor no meu peito,
Não dá frutos, não dá vida...
Apenas me faz sentir vivo...
Mesmo quando pereço morto
Como as folhas e as árvores secas
Dessa estação que passa pelas janelas...
José Nunes Pereira
J.Nunez
Minhas poesias românticas sempre
desabrocham no outono.
José Nunes Pereira

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Fique por perto!

Volte logo, Não demore muito, Fique por perto! Eu te esperarei dentro e fora do tempo. Sua alma é nobre, Fique no sangue do meu sangu...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA