Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

quinta-feira, 28 de junho de 2012

A leitura do mundo contemporâneo - A Poesia Imparcialista


Temas contemporâneos: Imediatismos, violência, sexo, altruísmo, consumismo, desvalorização, desinformação....


Possibilismo Imediatista

De repente se cria um astro da música e da televisão,
De repente um craque de futebol,
De repente a comida feita, comprada feita,
De repente um novo amor...
De repente ela está nua (eu ainda nem sei o seu nome)
De repente a música do momento,
Esquecida para sempre na outra semana.

De repente à moda, o corte de cabelo da celebridade,
De repente a mais nova bunda e mais nova musa...
De repente um astro descartável e virtual,
De repente uma crise globalizada,
Uma cultura do consumo globalizada,
De repente a verdade ao seu gosto,
De repente o novo produto no mercado...
De repente a confissão de ser gay,
De repente uma nova crueldade; ninguém mais se espanta.
De repente a uma nova teoria...
De repente liberdade para todos...

De repente alguém esquece de colocar calcinha,
De repente o novo milagre da ciência,
De repente a nova dieta milagrosa,
De repente um arrastão em apartamentos,
De repente alguém é morto roubado e estrupado à luz do dia,
De repente a famosa em flagra encenado,
De repente um novo milionário que troca de mulher amante e amigos,
De repente o mais novo escândalo na política,
Esquecido com o próximo escândalo...
De repente aluno mata dentro da sala de aula,
De repente a nova doença, a nova epidemia
De repente a ejaculação precoce, a impotência precoce...
De repente a nova droga, o remédio do momento,
Tudo é notícia na sociedade do entretenimento...
Sociedade da desinformação da informação...

De repente ela me coloca cornos,
De repente ela vai embora;
 Fica grávida de alguém, e não sabe quem...
Com tanto sexo a disposição

Abílio Santana
J.Nunez

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Fique por perto!

Volte logo, Não demore muito, Fique por perto! Eu te esperarei dentro e fora do tempo. Sua alma é nobre, Fique no sangue do meu sangu...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA