Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

sexta-feira, 15 de abril de 2011

O poeta imparcialista da repugnação....

REPUGNAÇÃO


Ela se apagou com um céu de tempestade

E uma estrela apenas esta ali,

Não me guia, não revela nada e não me diz para onde ir,

Apenas esta ali sem metafísica nem uma...

Entre uma estrela e uma cruz

Resumo sua vida numa lápide...

Onde não fala dos muitos amores que deve...

O amor esfriou em sua carne doce,

Desmanchou em sua pele fria,

Não existe vida em seus olhos cerrados.

Seus lábios que nunca provou meu beijo,

Seu amor que não soube o que era amar...

Está guardado com muito zelo

Por todos aqueles que te amaram carnalmente

E não esqueceram seu gosto de muitos corpos ...

O cheiro de crime e pecado em todas as horas do dia...

Seu amor não existe mais porque era amor sexual...

Você não existe porque foi matéria perecível

Coberta de feridas e doenças venéreas...

Você não existe mais... Ali o que há são flores trazidas

Por aquelas que te levam nas lembranças...

Logo não haverá nem mesmo essas flores que murcham ao sol...

Se amor é qualquer insanidade que nos perturba,

Estão meu desejo correspondido e seu amor pago, era amor...

Não são os vermes que dão continuidade a nossa natureza material!

Se houve beijos eles se congelaram nas lembranças que não são matérias...

Abdias de Carvalho

J.Nunez

Abdias de Carvalho é um dos pseudônimos de J.Nunez esse é o poeta da estagnação, da poeira assentada, da falta de perspectiva, da baixeza moral, da atrofia, da revolta calada, do silêncio dos excluídos, da ruminação furiosa e secreta, da repugnação, da repetição angustiante, da falta de oportunidades, da linguagem repugnante, esse poeta representa o abandono, o deixar se onde está. Neste poeta não há incertezas, e sim eterna imobilidade.

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Barack Obama: o marco do novo contexto literário....

A influencia de Barack Obama no imparcialismo
está relacionada com a chegada do cidadão  negro ao poder,
com a democratização do conhecimento, com possibilismo e a era da informação...
Barack Obama é o marco de uma nova era na literatura,
é o marco de um novo contexto para a arte...
J.Nunez

terça-feira, 12 de abril de 2011

Poder de compra...

Eu poderia ficar com uma puta baixa estima,

Mas ocorre que eu não tenho essas delicadezas contemporâneas,

Sou um pouco mais selvagem e aceito a exclusão e ainda pratico a auto-exclusão...

Estou me sentido muito burro por esses dias...

Veja só todos os jornais andam dizendo que o Brasil vai muito bem...,

E que o poder de compra do brasileiro está melhorando...

Com assim, desculpem minha ignorância...

Pelo que eu sei estou ganhando menos

Que eu ganhava no começo do plano real...

Talvez seja seu o único pobre e ignorante desse país...

Talvez eu seja o único que esta ganhando mal...

Será que o poder de comprar do brasileiro aumentou ou as possibilidades

De se enforcarem em 12 meses, 40 meses, 60 vezes, 80 meses é que aumentou...

Será que estamos pagando nossas dividas...

Será que isso tudo não passa de uma ilusão de progresso.

Se não é ilusão? Estão como anda nossas escolas, nossa segurança...

Nossos hospitais, nossos profissionais, nossos alunos, nosso lazer, nossa cultura...

Meu poder econômico possibilitou que eu comprasse um carro em 80 parcelas...

Isso porque sou um assalariado, mais o homem que cruza a frente do meu carro

Empurrando um carrinho de bebê que serve como equipamento de trabalho

Para que possa catar papel e lata; esse homem não tem o meu poder econômico,

Certamente porque não possui o segundo grau e está fora do mercado de trabalho...

Esse é o país que esta abandonando aqueles que não possuem o s requisitos e estão

Capacitados a competir, porém possui um enorme potencial...

Esse é o país do ensino médio para trabalho braçal...

Acorda Brasil! Ninguém quer ir à escola tanto tempo para lavar banheiro...

J.Nunez



Postagem em destaque

Fique por perto!

Volte logo, Não demore muito, Fique por perto! Eu te esperarei dentro e fora do tempo. Sua alma é nobre, Fique no sangue do meu sangu...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA