Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

domingo, 25 de setembro de 2011

Amor e sexo cibernético

Amor ou sexo cibernético
Ela me disse que teve uma proposta de amor virtual,
Eu não teria ciúmes,
Mesmo que ele fosse real.
Ela disse que ainda não beijou
Mas já fez amor cibernético
(riu sua gostosa risada de mulher madura)
Eu proponho coisas reais para essa noite,
Podemos caminhar pelas ruelas perigosas
Para os estrangeiros de suas noites.
Podemos fazer amor real, clássico e tradicional,
Sem medo, sem culpa ou pecado de traição,
Afinal seu novo amor
É apenas uma proposta  amor é virtual
E provavelmente ele é uma mentira
Ou uma omissão da verdade...
Ela apenas riu e a noite calou em seus braços.
Hermínio Vasconcelos
J.Nunez

Um Amor Virtual
Conheci um amor virtual.
Não meu!  De alguém.
Eu gosto de amor real,
Mentiras, falhas na cama, perigo, crime, omissão tudo real.
Eu gosto de riscos calculados,
 Perigos e ataques sobre controle...
E mentiras cheias de boas intenções ou humanismo.
O que o virtual esconde é insondável!
E suas mentiras são cruéis e desumanas,
Suas mentiras não escondem sinceridades e boas intenções,
Suas mentiras são intenções criminosas
 Relevadas apenas a quem mente.
 E eu tenho medo!
Abílio Santana       
J.Nunez 


Nenhum comentário:

Postagem em destaque

O Imparcialismo: O Ciclo de Saturno

O Imparcialismo que começou a ser escrito em 2006 E  revelado em 2008. Foi à leitura do fim de um período, Iniciado pós-guerras, tempos...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA