Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

terça-feira, 26 de abril de 2011

Poesia e leitura do homem moderno na sociedade do prazer...

Casal moderno


Não te mandei embora,

Jamais mandaria embora uma mulher que faz sexo

Sem pedir nada em troca

E sem cobrar pelo sexo gosto que fez.

Eu não quero solidão...

Eu não te mandei embora...

Eu só não quero sexo compromissado,

Sexo com água, luz, telefone, prestações, condomínio

E outras contas eventuais...

Eu quero sexo sem o peso insuportável da vida...

Eu te quero por muitas noites,

Porém sem comprometer minha liberdade,

Minhas amizades e meu sucesso...

Sexo sem essa de deixar herdeiros e continuidade,

Até mesmo porque não tenho nada para ser continuado,

Não tenho instinto de patriarca

E ainda ganho a vida apenas com um notebook em mão...

E o hotel oferece serviços:

Lava, passa, cozinha e ainda arruma minha cama...

Eu não quero filhos por enquanto,

Mas você já passou dos trinta e cinco,

E seu instinto de mãe pede um filho...

Eu o meu instinto de homem pede sexo sem compromisso,

Sexo por prazer... e vida pelo prazeres da vida...

Abílio Santana
J.Nunez

Desculpem a desvalorização do ser humano nessa e em muitas outras poesias e artigos Imparcialistas, porém a proposta desse movimento literário e realizar a leitura de nosso tempo e do ser humano de nosso tempo,  e essa é a triste realidade O HOMEM CONTEMPORÂNEO. Nesse tempo em que os produtos de supermercado roubaram os valores humanos, e um produto de limpeza vale mais que um homem, um aparelho de televisão vale mais que uma esposa... Primeiro o capitalismo e o consumismo nos roubaram a vivencia  holística do mundo agora tomou nosso lugar do mundo... e um produto qualquer possui nossos valores, nos sonhos, nossas vivencias, nossa religião etc
J.Nunez

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

O Imparcialismo: O Ciclo de Saturno

O Imparcialismo que começou a ser escrito em 2006 E  revelado em 2008. Foi à leitura do fim de um período, Iniciado pós-guerras, tempos...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA