Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

sexta-feira, 25 de março de 2011

Poesia moderna Imparcialista: Não rolou essa noite....

Não rolou essa noite....


Te amo, não te amo, não sei, realmente não sei,

O que sei é que fazemos sexo, sexo sem amor talvez!

Sexo com amor..., não sei mesmo! Não sei porque até onde me falaram

Da historia antiga do amor, é que:

Primeiro se conheciam, se apaixonavam, se casavam

E depois faziam sexo, e talvez isso é que era amor consolidado..

Agora fazemos sexo quando achamos

Alguém boa para sexo e a fim de fazer,

Estão, realmente não sei se isso é amor...

Essa noite não rolou...,

Talvez eu seja mais um jovem querendo ser a máquina de fazer sexo

Que falha sem Viagra, e outros reforço para o mega desempenho...

Que nunca houve...

Talvez ela seja a garota de seu tempo

Que imita sexo e comportamento de homens...

Não rolou, ela vestiu-se e saiu para a balada com as amigas,

Bebeu, fumou, beijou não sabe quem, não sabe quantos,

E levou alguém para sua casa para fazer o que não fiz....

Não rolou...Talvez tenha sido os anabolizantes e os energéticos

Que prometiam mega desempenho...

Abílio Santana
J.Nunez

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

O Imparcialismo: O Ciclo de Saturno

O Imparcialismo que começou a ser escrito em 2006 E  revelado em 2008. Foi à leitura do fim de um período, Iniciado pós-guerras, tempos...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA