Postagens

Mostrando postagens de Outubro 17, 2010

Era da informação, amizades virtuais e amores virtuais

Entre as ilusões da sociedade moderna está a crença de que a internet aproximou as pessoas, quando na verdade ela distanciou até mesmo os que residem sobre o mesmo teto, não pretendo ser hipócrita, negando os inúmeros pontos positivos que a internet possui. É verdade que o próprio Imparcialismo existe em função da era da informação, e só se tronou uma realidade por causa dessa mídia. Contudo sendo o Imparcialismo a leitura da sociedade moderna, tenho que dizer o quando a internet nos distanciou. O que ocorre é o fato de confundirmos a capacidade que essa mídia possui de nos levar a uma viagem (cosmopolitismo virtual) por muitas áreas do conhecimento, pelas culturas, pelos acontecimentos, pelos idiomas do mundo, pelos lugares do mundo e essa capacidade de aproximar (virtualmente) as pessoas dos lugares mais distantes da terra. Estar próximo realmente das pessoas é ter com elas anos de convivência física e de alma, é ser tão íntima dessa pessoa que ela não precisa ser quem ela não é de …

Literatura Pós - Modernismo: O Imparcialismo

Os poetas Imparcialistas  de J.Nunez

Cícero Fernández - A literatura contemporânea busca a leitura do homem e seu tempo. Para representar essa nova realidade e esse novo olhar sobre a indústria, o poeta Imparcialista Cícero Fernández busca representar essa parcela da sociedade pós-ilusão modernista, industrial e tecnológica. Esse poeta busca o equilíbrio e a harmonia entre a industrialização a natureza destruída por esses duzentos anos de exploração dos recursos naturais, o equilíbrio entre a família e o trabalho, a liberdade sexual e outras liberdades e a decência, entre o corpo físico e nossa condição biológica e primitiva que nós fazem vítimas da natureza e todo tipo de poluição moderna, entre o sexo e o amor, a saúde e essa loucura da vida contemporânea, o consumismo e o essencial, essa busca de equilíbrio e harmonia entre a nossa vida interior e exterior e muitas outras buscas de equilíbrio e harmonia. Essa busca por equilíbrio, os Poetas Imparcialistas denominaram de Bucolismo …

A Sociedade Pós Moderna é a Sociedade dos Prazeres....

Os conceitos religiosos devem ser aplicados para que salvemos à família.  Essa sociedade considera qualquer teoria que vai contra sua busca degenarada pelo prazer como um mal que teve ser eliminado de seu meio. O capitalismo que moldou à família na era moderna, agora está destruído o que ele mesmo moldou para que seja possivel a criação de novas possibilidades de mercados e marcadorias. A destruição da familia está ocorrendo porque vivemos na sociedade do prazer e essa sociedade não aceita ser limitada por nem um tipo de lei ou teoria, Essa é a sociedade do prazer, a sociedade que se permite tudo e que fez da verdade que nos orientou até aqui um meros preconceitos. Essa é a sociedade da hipocrisia da hipocrisia, Essa é a sociedade da inclusão, por isso essa sociedade aceita que entra em sua casa todas as aberações de condulta, índole e moral humanas. A religião não possui a verdade absoluta, porém são elas o equilibrio e as barreiras para que a sociedade não se perca na busca dos prazeres no c…

Espiritualismo: Caminho Interior

Porque vai chegar um tempo em que os homens não suportarão a sã doutrina, mas, sentiram cócegas nos ouvidos, reunirão em volta de si mestres conforme suas paixões.Timóteo cap 4 ver 3.


O Chamado

É madrugada em minha vida,

Todas as portas estão trancadas,

As luzes das casas se apagaram

E só me resta voltar para a solidão.

Vou caminhar mais um pouco dentro da noite,

Vou resistir mais um pouco em voltar para casa,

E quando a amanhecer a solidão,

Feito menino desamparado,

Se perderá de mim na multidão.

Quantas vezes amanheceu em minha vida,

Quantas vezes deixei a madrugada,

E me tornei mais um na multidão

Onde eu tentei me abandonar

Igual a qualquer coisa que não sabe que existi.

Mas o fato de me sentir,

Destacava-me a mim mesmo

Como se eu fosse o único a vestir essa pele.

Estou me rendendo feito um boi

Que lentamente se entrega a morte.

Quando eu desisto, escuto o chamado,

Que vem das montanhas silenciosas,

Das profundezas do meu ser,

Das cavernas escuras feito a noite,

Das sensações de …

Felicidade, medos e amor

Busque a felicidade nas coisas que não podem ser compradas

Me conte seus sonhos, me conte sua historia,

Me fale de você, não deixe segredos entre nós.

Depois que falar de você, deixe eu falar de mim,

Eu tenho tanto para dizer.

Primeiro me fale das desilusões no amor,

Das feridas que o tempo não curou,

Das lições que a vida ensinou,

Dos seus medos, do seu modo de ver as coisas,

Depois me explique esse sorriso

Que as dores do mundo não foi capaz de apagar.

Meu bem!... Chamaremos de amor

Essa compreensão, esse encontro de alma,

Essa doçura com que nos olhamos,

Esse desejo de celebrar o nosso amor.

Não deixe segredos entre nós,

Não deixe essa perda dos valores,

Essa corrupção das virtudes,

Essa desvalorização da alma,

Essa destruição dos sentimentos sublimes,

Essa degradação da família,

Tudo em nome desse abismo que os homens se meteram,

Chamada vida moderna e absurda, vida ao sabor dos prazeres

Sem comprometer o coração e a alma.

Somos dois seres nesse mundo que possui ainda alma e coraç…