Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Audio Matizes do Amor




Matizes

Matizes têm a cor,
Matizes têm a amor,
Matizes têm o dor

Nas folhas um tom
de verde
Nos olhos o tom
da verdade
Do que de fato se sente

Nem tudo resiste
Por causa da intensidade
da cor
Não digo o mesmo do amor
Não digo o mesmo da dor

As cores das roupas
no varral
A tonalidade do azul
nunca é igual
A intensidade do amor
de cada casal
É matiz do amor
que nunca é igual.

Francisco Medeiros
J.Nunez

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Cristianismo, Multiculturalismo e Imparcialismo....

Os imparcialistas não dizem nada demais,
Na verdade a maior virtude dos Imparcialistas é serem óbvios,
Porém imprevisíveis, o fato de serem realistas
No sentido mais cruel da palavra
Torna o imparcialista um profeta do óbvio.
Por incrível que pareça esses poetas imparcialistas
são filhos de pais cristãos,
Mas os que não gostam deles chamam esses poetas de filhos...
E de outras coisas....
Eles são filhos de pais cristãos,
Mas são obedientes ao imparcialismo e ao multiculturalismo.
Não dá para agradar dois senhores!
Por isso não tentamos agradar nem um...
Como um imparcialista poderia ser multiculturalista e cristão
Se o cristianismo é a imposição de uma verdade,
E o imparcialismo e o multiculturalismo é meu olhar
Sobre as verdades dos outros
Que resulta da minha própria verdade flexível e mudável,
A verdade imparcialista se confirma em si mesma
Através da comprovação da realidade e do óbvio.
O cristão possui um homem que é Deus e que é o criador de tudo,
E que veio a terra no ventre de uma mulher
Que era virgem e ainda seu pai era
Um bom homem que soube entender tudo...
E esse homem que desapareceu
Por uns vinte anos reaparece para morrer na cruz
E salvar os pecadores do mundo...
Hora, hora!...Sejamos imparcialistas por um minuto!
Cá entre nós, essa historia é simplesmente absurda
Para quem a escuta pela primeira vez...
Não é! ?
Há! então quem está errado é o Deus da vaca dos outros,
O Deus Sol dos outros, o Deus lua dos outros,
O Deus em tudo dos outros...
Não há nada de errado com o nosso Deus,
Ou será que ouvimos tanto falar
Nesse nosso Deus que ele se tornou nossa base e nossa verdade incontestável.
Os imparcialistas são os profetas do óbvio realista...
Profetas das verdades e das mentiras Insuportáveis de ouvir.
Para não falar a verdade e para que o homem não desconfie
Dos labirintos,Cavernas, infernos, precipícios,
Montanhas, águas turvas e pântanos
O cristianismo criou o homem , plano, limpo e raso....
Talvez o cristianismo
Tenha aprendido isso nos contos de fada.
O cristianismo e nem uma das outras das grandes correntes religiosa
Suportariam o multiculturalismo,
Certamente o multiculturalismo e o imparcialismo são para poucos...
São para os dá auto-exclusão...

Salomão Alcantra
J.Nunez

23-09-2010

As Estatísticas da educação são animadoras!.... (cronopoema)

Um país alfabetizado se faz com estatísticas,
Com progressão continuada, bolsa família e outras bolsas
Que não sei o nome, é preciso dar esmola ao povo,
É preciso pagar as crianças para que elas vão à escola.
Estatísticas da educação dizem muito mais do que vejo...
As estatísticas são animadoras.
Daqui a vinte anos o Brasil será um país com alto índice
De alfabetização, mesmo que esse país não saiba ler...
Mas que tem que dizer que o povo sabe ler é a estatística
E não a realidade nua e crua...
As estatísticas não provam nada,
Mas alguns dos grandes jogadores de futebol sim...
Eles provam com feita falta a educação,
Mas eles são ídolos!
Não precisam ter educação enquanto são ídolos!
Depois que envelhecerem ou deixarem de serem craques nós os massacraremos...
Dizem que o craque de futebol é eternamente craque,
Então o grande artista fracassado será sempre o grande artista?
Então o soldado herói de guerras,
Mesmo que sem as pernas será sempre o grande soldado de guerra?
Como gostamos de criar mentiras
E grandes ilusões para sustentar o insustentável!

Salomão Alcantra
J.Nunez

Nova didática Brasileira...

Na nova didática
O Chico bento manda ir tomar no...
Na mesma e sempre política,
Tudo acaba em pizza bordada de cumplicidade masculina.
Uma baixaria cotidiana lá do outro lado da rua,
Interrompe minha Cronopoética,
É a Dóris sendo jogada pra fora,
Seu amante a pegou traindo
Com o amante traído de sua esposa.
_“Todo mundo faz”: ela dizia aos gritos.
O Bill Clinton e a celebridade faz.
Ela esqueceu da regra; há uma enorme diferença
Em ser ou não pego com a “boca na botija”
Ou em outro lugar qualquer de sua preferência.
Ele dizia: _ Nunca mais pise aqui...
Aqui quem manda sou eu!...
É o que o Hugo Chaves está preste a dizer.
_ Ele manda lá do outro lado da fronteira,
Porque aqui quem manda é o Sarney.
Disse meu amigo crítico.
Existe tanta coisa com nome de Sarney
Aqui na sarneylandia, que a pizzaria ali da esquina
Já criou o que faltava:
Pizza Sarney com bordas secretas.

ABÍLIO SANTANA
j.Nunez

CRONOPOEMA é uma escrita com caracteristicas de cronica, conto e poesia.
O IMPARCIALISMO.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

As drogas a família e a cracolândia



A cracolândia é a personificação do inferno,
E a síntese da desestruturação da família e da sociedade,
E a degradação humana, é a falência do poder,
É a materialização da baixeza e da indignidade humana,
É um exemplo de bestialidade e inconsciência,
É nossa personificação da irresponsabilidade com o ser humano,
É o depósito de lixo humano...

Ainda ousamos pensar em liberar a Maconha,
Diante do inferno das drogas que é a cracolândia
É vergonhoso, inconseqüente, irresponsável tal pensamento.

Quem sustenta a humanidade são os homens de bem,
São eles que fazem a vida possível...
Os rebeldes sem causa de todas as épocas são apenas
Ignorantes que não possuem uma visão da realidade
São incapazes de observar o mundo que é obvio e real.

Quem sustenta a humanidade é a família estruturada dentro dos princípios da moral,
Da dignidade, do amor, da fraternidade, da decência, da caridade, da lealdade, da responsabilidade, e muitas outras virtudes, a família possui valores intocáveis...

Apesar de toda a inversão de valores, a sociedade é sustentada pela família e pelos homens de bem capazes de podar e punir seus próprios instintos bestiais.
Não são os drogados e os bêbados a base que sustenta a humanidade,
Basta observar que se toda a humanidade caminhasse para as drogas e para o crime a vida seria simplesmente impossível...

Os filhos drogados são uma ameaça para a família e a sociedade, os filhos drogados
São incapazes de manter a si mesmos em suas necessidades básicas
Por isso os filhos drogados roubaram e mataram seus pais para alimentar seus vícios.

A família é para onde voltamos,
A família é à base da humanidade,
A família e seus valores intocáveis é que sustentam a humanidade ,
O mundo não pode ser sustentado por viciados,
A vida seria impossível se não fosse os homens de bem e castos de vícios,
Isso é óbvio, estão à liberação de drogas não deveria nem si quer ser discutida...
Quem é que daria um trabalho para um individuo drogado para que ele compre sua
Própria droga? Eu não ariscaria!

Já basta o capitalismo e a industrialização que estruturou a família a eu modo e a desestruturou como conseqüência da perda de valoreis intocáveis que deu lugar ao consumismo e a libertinagem dos instintos e da sexualidade sem compromisso dos adolecentes, homens e das mulheres.
Essa é a sociedade do prazer!...

J.Nunez

"Os artigos imparcialistas é a obra e o estudo para a obra."

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Família, capitalismo e industrialização

http://literaturaimparcialista.blogspot.com/ /

A desvalorização da família, do homem, da mulher e dos valores que sustentaram e estruturaram a família e suas relações por toda a historia da humanidade é hoje apenas temas para programas de televisão e propagandas, há uma desvalorização dos valores mais caros a humanidade, valores que estruturam a família e a sociedade, valores que sem os quais a família simplesmente se autodestruiria. É na família que nasce o amor, a fidelidade, a compaixão, a compreensão, a bondade e a caridade, estamos eliminando as virtudes da alma que está na família e colocando o consumo no lugar da alma e de sua condição suprema. A família foi e ainda é o lugar de consumo, é na família que comemoramos o natal, o ano novo, os aniversários, os dias dos pais, os dias das mães e a páscoa, é na família que encontramos razões para essas comemorações, e é na família que a industrialização e o capitalismo tem se apoiado por esse centenário, porém se observarmos o novo contexto, o capitalismo e a industrialização já podem esquecer um pouco a família como a conhecemos e investir nessa nova possibilidade de mercado que a formação da família desobediente as lei biológicas, aos dogmas e a tudo que se teve até o momento como correto e dignificante da condição humana. As razão pela qual se justifica a estrutura da família é o equilíbrio do homem e de seus sentidos, um ser humano solto aos caprichos dos desejos é um barco soprado por muitos ventos todos com direções diferentes, as razão pela qual a família tradicional deve ser defendida e protegida, é o equilíbrio que deve imperar sobre o caos, o caos só pode existir destro da ordem, o caos e toda a maldade proveniente dele é um parasita que só pode existir sem autodestruir-se dentro de um sistema organizado. O caos e os caóticos exibem suas ousadias sem saber que o caos que não é fruto da ordem, mas que sobrevive dessa ordem, se autodestroem sem saber o que é caos, porque o caos só possui consciência de si mesmo aqui dentro da ordem. Os rebeldes sem causa de todos os tempos sempre ignoraram que a ordem e o equilíbrio são as bases da vida e sem as quais a vida resultaria impossível. A vida não seria possível sem pessoas de bem...A humanidade e todas as coisas buscam sempre o equilíbrio, porque sabemos que é no equilíbrio que se faz a vida e sua continuidade.

J.Nunez

Postagem em destaque

Fique por perto!

Volte logo, Não demore muito, Fique por perto! Eu te esperarei dentro e fora do tempo. Sua alma é nobre, Fique no sangue do meu sangu...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA