Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

domingo, 7 de novembro de 2010

Humanismo, amor ,verdades e amizade

Levarei um poema aos amigos

Quem se importa!...Que o sol raio mais um dia,

Que a criança sorriu um sorriso delicioso...
Que é tarde...e a chuva é calma é fina
Que os pássaros buscam abrigos em nossas casas
E comidas em nossos quintais, que somos indigestos uns aos outros.
Que o espírito deve ser livre...e a imaginação
Iimparcial, desassociada de teorias e preconceitos.
Que o espírito deve ser livre...
De todo conforto da crença e da cultura de um povo.

Contentamentos são para os cegos de espírito,
E para os da orgia desenfreada de todos os sentidos,
 não para os da grande ânsia.

Quando eu sair desta dureza comigo mesmo, e deste estado de medo e falsa beatitude, vou cantar e dançar uma música profana, sentarei ao Sol tímido, que ressurge entre nuvens escuras, destes dias chuvosos de fevereiro, e sob meus pés descalços, sentirei a terra úmida e quente, com a felicidade de um passarinho banhando em poças d”água ao Sol.

Contemplarei o teu corpo vestido de luz, e esquecido sobre nosso leito, altar consagrado à pura forma de amar, desisto de saciar a fome insaciável de contemplar-te, esquecerei - me envolvido em meus braços, deliciando com o teu cheiro e sentindo com todos meus sentidos apurados na embriagues de amar- te, esquecerei - me dentro de toda a delicia....que é você.

Quando a vida trouxe-me de volta para a rotina de uma tarde chuvosa que cai, sorrir-te-ei um sorriso
sem propósito, e você intendera que eu digo:
_ te amo!...
Levarei poema aos amigos, direi a eles:
_Que o dia é a eternidade, e o ontem é uma ilusão do Sol.
Levarei poema aos amigos, direi a eles:
_Que as preocupações com a matéria e a orgia não é tudo, porem o sexo é o eixo da vida, é a roda de tração dos meus dias.

16/01/2004

Meu mundo de reticências e sensações não é tudo, os livros que li são fragmento de sabedoria e verdade.
Quando caminho em sentido contrario ao de costume, as casa são vistas de outro modo.
Os inconvencionais são mutáveis na crença e na fé, elásticos na compreensão e inconvictos de tudo; mudam a si mesmos, não moldam a verdade para que ela harmonize com suas paixões; com tem feito as religiões.
Por isso:
Donas, de casa leiam Nietzsche,
Ladrões façam caridade de fez em quando,
Homens de negócios sejam místicos uma hora por dia,
Camponeses, leiam um livro por ano,
Escreva uma vez por dia,
Pais de família façam de vez em quando o que realmente amam fazer,
Homens sérios sejam palhaços de vez em quando,
Palhaços de cara limpa sejam sérios de vez em quando.
Deixemos as verdades em paz, e moldemos a nos mesmos.

30/01/04

SALAMÃO ALCANTRA

J.NUNEZ

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

O Imparcialismo: O Ciclo de Saturno

O Imparcialismo que começou a ser escrito em 2006 E  revelado em 2008. Foi à leitura do fim de um período, Iniciado pós-guerras, tempos...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA